quarta-feira, julho 24, 2013

Sombras

E quem somos agora? Não passamos de sombras que só se cruzam quando as nuvens não tapam mais o Sol. Porque eu não não te conheço, não sei mais quem és, o que fazes. Como te chamas? Não me lembro mais do teu rosto, da cor dos teus olhos, do teu cabelo. Só consigo ver ao longe a tua sombra, a ser engolida pela escuridão.
Somos vultos perdidos no lado obscuro...

D.R.E.A.M.



sexta-feira, dezembro 14, 2012

Hurts.

"Difícil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que se mais ama.
Eu desisti. Mas não pense que foi por não ter coragem de lutar, e sim por não ter mais condições de sofrer."

terça-feira, novembro 20, 2012

Homens...

Porque é que é tão difícil lidar com esta espécie que, por vezes, nem parece ter 23 pares de cromossomas...?

sexta-feira, agosto 10, 2012

"Si è finito."

Finalmente as merecidas férias. Ah, espera, não... Eu não vou de férias porque alguém não teve ''autorização'' para ir comigo.
Estou tão cansada destas ''vai que não vai'' e ''diz que não diz''...
Preciso tanto de férias e descanso!!!!

"Saiba que são suas decisões, e não suas condições, que determinam seu destino." 
Anthony Robbins

quinta-feira, maio 24, 2012

Estágio

Finalmente quase a terminar mais uma etapa!
E à conta disso já estou com um escaldão. Não, não e de fazer praia, mas sim de trabalhar.

Quase pronta para a etapa seguinte!



"What doesn't kill you makes you stronger
Stand a little taller
Doesn't mean I'm lonely when I'm alone
What doesn't kill you makes you a fighter
Footsteps even lighter
Doesn't mean I'm over cause you're gone" 
 
Kelly Clarkson - What Doesn't Kill You
 

sábado, abril 21, 2012


A minha vida é uma ânsia, tenho tanta vontade de chegar ao amanhã, se saber como tudo vai ser, de saber o meu futuro, que nem chego a aproveitar o meu presente...
Não sei porque este estado de espírito.

"Precisamos ser pacientes, mas não ao ponto de perder o desejo; devemos ser ansiosos, mas não ao ponto de não sabermos esperar"

Max Lucado

segunda-feira, fevereiro 27, 2012


Tu não sabes quem eu sou, mas eu sei quem tu és… e só preciso de um minuto da tua atenção.

Quero dizer-te que espero que saibas a sorte que tens. O quanto eu gostaria de estar na tua pele. Poder estar na mesma cama que ela todas as manhãs. Ajudá-la a acordar da má disposição matinal.

Espero que saibas que ela só vai falar contigo depois de lavar os dentes. Não é por mal… é por medo, de perder o encanto aos teus olhos. Que a consideres um ser humano comum.
Espero que saibas que ela gosta de aproveitar cada raio de sol, e que o café a deixa mal disposta.

Que escolhe a roupa que vai vestir na noite anterior, só para poder ter mais cinco minutos de sono pela manhã. Que o despertador toca cinquenta vezes até que se levante, e que mesmo assim, consegue chegar a horas.

Quero também que saibas que adora histórias do fantástico. Mas não de terror! Que é capaz de saber o nome de todas as personagens de um livro antigo, mas que não se vai esforçar para decorar à primeira os nomes de todos os teus amigos…
Porque ela… ela é que sabe de si.

Tu nunca serás uma sorte para ela. Sorte é poderes tê-la na tua vida.
Sabes?
Ela não é romântica por natureza, mas uma demonstração espontânea da tua parte vai fazê-la fraquejar. Porque ela é segura e doce ao mesmo tempo.

Ela não sabe cozinhar, mas vai esforçar-se para fazer o teu prato preferido. E se estiver mau, vai rir-se do falhanço, em vez de corar.

E quando ela ri… eu tenho vontade de chorar. Não de tristeza, mas porque cada gargalhada é uma nota musical que toca ao coração e me faz querer dançar.

Espero que pares de fazer o que gostas e que por vezes tenhas tempo para ouvir sobre o seu dia e sobre cada pequena conquista. Que atures os seus devaneios artísticos e o tempo que perde a colorir livros infantis quando quer ter tempo para si.

Quero que saibas que eu gostava de estar desse lado, a aturar o seu mau humor e a vê-lo mudar depois do primeiro copo de vinho.
Queria poder apreciar as suas unhas que estão mais tempo de verniz estalado que de verniz perfeito… mas que cada forma de vermelho tem uma história que ela construiu com as próprias mãos.

Gostava de me ter apaixonado por ela no primeiro dia que a vi, e não no segundo. Porque cada dia com ela é a certeza de que somos amados. Porque ela é sedução e alegria num só. Porque consegue o que quer com o poder do sorriso e a força do olhar. Seria um tolo se não soubesse que tem olhos castanhos e que adora a cor verde. Quero que saibas que ela é tudo o que quero e nunca soube que tive.

Aprende que a arritmia que sentes com ela é normal! E que a falta dela é um vazio igual à morte.
Espero que sejas tudo o que eu nunca fui.
Espero que a trates bem.
Porque se lhe partires o coração vais perdê-la para sempre.
Pudesse eu ter lido o futuro...



By: "http://www.doceparaomeudoce.blogspot.com/2012/02/so-de-mim-musica.html"


video

sábado, fevereiro 25, 2012

quarta-feira, janeiro 11, 2012

Friends.


Que pessoa nostálgica eu sou.
Que turbilhão de sentimentos tenho sempre.
Quero os meus amigos de volta sempre ao pé de mim.
Quero partilhar todas as minhas parvoeiras com alguém.
Quero sorrir todo o dia.
Estou cansada do silêncio.
Não gosto desta solidão permanente.
Quero uma máquina do tempo...
Quero-vos aqui!

Tenho saudades vossas...

segunda-feira, janeiro 09, 2012

Leave*


Um poema lindo do meu escritor favorito, Fernando Pessoa.

"Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.

Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.

Se achar que precisa voltar, volte!

Se perceber que precisa seguir, siga!

Se estiver tudo errado, comece novamente.

Se estiver tudo certo, continue.

Se sentir saudades, mate-a.

Se perder um amor, não se perca!

Se o achar, segure-o!"
Fernando Pessoa

domingo, janeiro 01, 2012

Pé Direito!


Bom ano novo. :)

Nesta passagem de ano fiz tudo correcto:
  • Fiz pé-coxinho com o pé direito;
  • Comi 12 passas;
  • Vesti-me de azul da cabeça aos pés.

O que pode correr mal este ano?! Vou esquecer este ano que passou, bem, foi o pior ano da minha vida... Quase tudo correu mal para mim.

2012, o ano do fim do mundo... :/ Que treta! Agora que finalmente me sinto adulta [Principalmente a minha mentalidade e a minha maneira de encarar a vida...], e que vivo como uma adulta de verdade [Estou a ficar velha... Já passei dos 20!! EhEh], vou aproveitar este ano mesmo como se fosse o último! Este ano vai mudar a minha vida, definitivamente! :D


sexta-feira, dezembro 30, 2011

Fim d'Ano.


Queria acabar este ano com uma reflexão, mais uma reflexão...

Já não me lembro muito bem onde, li uma frase que me tocou muito : "Vi mulheres destruírem um homem sem levantarem um dedo" de Nicolas Cage, segundo a fonte.
Bem, esta frase é tão verdade. É tão verdade mesmo que eu já senti este ''poder'' nas minhas mão. E não, não digo isto para me gabar, nem porque me senti bem ao fazê-lo. Na altura nem tinha noção da realidade, criança que era. E agora que me lembro já lá vão 4 anos... Na altura achei que era o mais acertado, afinal eu tinha 17 anos, queria era curtir a vida, ir para o café com o meu pessoal, rirmos umas tardadas. Na altura eu era uma criança. Mas quando a criança cresceu tudo a sua volta tinha mudado e tudo estava diferente. Essa criança pensava que a vida era como ela queria, mas nesse momento descobriu que nem sempre é assim, e que é verdade que destruiu um homem sem levantar um dedo, mas também destruiu em pedaços tão pequenos que nunca mais se conseguiu voltar a reconstruir de novo. Olhou para trás e disse que era tarde de mais. ''It's over!''

E é aqui que se aplica outra frase que eu também encontrei : ''Quando não se tem o que se ama, ama-se o que se tem.'' Pois a vida continua, o tempo não volta atrás.

Este ano infelizmente tive tempo demais para pensar na vida, espero que o próximo ano seja mais bonzinho para mim... Espero que para o ano possa realizar os meus maiores desejos, ou pelo menos um deles, quem sabe...


Carpe Diem

segunda-feira, dezembro 05, 2011


Bem, reparei agora que há muito que não escrevo nada sentimentalista... Será que é por todos os sentimentos anteriormente vividos estarem mais calmos? Pois, talvez sim, talvez não...
Há certas duvidas que permanecem sempre, certas angústias...

Vive-se o presente, tenta-se apagar o passado!

sábado, outubro 01, 2011


Love me tender,
Love me sweet,
Never let me go.
You have made my life complete,
And i love you so.

Love me tender,
Love me true,
All my dreams fulfilled.
For my darlin' i love you,
And i always will.

Love me tender,
Love me long,
Take me to your heart.
For it's there that i belong,
And we'll never part.

Love me tender,
Love me true,
All my dreams fulfilled.
For my darlin' i love you,
And i always will.

Love me tender,
Love me dear,
Tell me you are mine.
I'll be yours through all the years,
Till the end of time.

Love me tender,
Love me true,
All my dreams fulfilled.
For my darlin' i love you,
And i always will.

Dia Internacional da Música, nada melhor para ouvir!

terça-feira, setembro 06, 2011

Estado de Nervos!


Esta espera permanente pelos resultados está a dar cabo de mim...

Mas quando é que eles vão sair?!

sábado, agosto 20, 2011

Time ( ! )


O Ser Humano nunca está contente com o que tem, tem sempre a ânsia de querer mudar, mesmo estando tudo perfeito. Eu sou exemplo disso, afinal toda a gente o é.
Ainda há pouco tempo reclamava de o tempo ter passado, de querer ter de novo 15 anos... Mas agora continuo a reclamar, porque agora quero Setembro!

"Precisamos ser pacientes, mas não ao ponto de perder o desejo; devemos ser ansiosos, mas não ao ponto de não sabermos esperar."
Max Lucado